Eco Grafite – Arte ecológica conquistando paredes pelo mundo

 

 

Você já ouviu falar no Eco-Grafite?

A ênfase dada aos movimentos a favor de atitudes ecológicas e sustentáveis, tem favorecido o surgimento de muitas manifestações a favor do “Verde” ao redor do mundo e o Eco Grafite é um deles. No lugar de tintas químicas industriais, utiliza-se musgo dissolvido numa mistura de ingredientes naturais produzindo uma espécie de tinta que vai fazer nascer musgo nas superfícies que for aplicada.

As intervenções urbanas surgem freqüentemente com vários apelos visuais e conceituais através de várias linguagens artísticas, sendo o grafite uma das que mais se destacam nas cidades. Esse universo vem sendo invadido por uma nova forma de grafite conceituado nos princípios da ecologia. Usando elementos da Natureza aplicados em paredes e muros das grandes cidades, artistas utilizam essa forma de Arte para transmitir mensagens que se parecem mais com “lembretes” que sugerem uma conscientização sobre a importância da Natureza e um repensar + ecológico e sustentável.

Dentre os artistas que desenvolvem trabalhos no universo da “Arte Verde”, Anna Garforth, tem obtido grande destaque com seu trabalho de Eco Grafite, através da sua habilidade em capturar estéticas da Natureza transportando-as para o universo das Artes, cujo intuito, é promover transformações no mundo a nossa volta a partir da conscientização das pessoas sobre a importância dos bens naturais.

Anna Garforth é uma artista londrina, contemporânea e multidisciplinar na sua prática artística, ou seja, utiliza um leque diversificado de habilidades como a ilustração, o design e o artesanato no desenvolvimento do seu trabalho que é conhecido internacionalmente. Anna também é uma ativista da “causa verde”. Pioneira do “Grafite Verde” ecológico contemporâneo, ela produz seus grafites através de uma mistura que desenvolveu com ingredientes naturais musgo como base, e que aplicada em superfícies de paredes e muros, geram inscrições e imagens que surgem com o crescimento do musgo.

Um dos principais materiais utilizado no grafite verde é o musgo, porque, independentemente da mistura desenvolvida por Anna Garforth, o musgo tem grande valor ecológico, pois é viveiro para outras plantas em processo de sucessão e regeneração, atua como reservatório de água e nutrientes, além de ser abrigo de microorganismo.

Transformar o Grafite em uma forma de Arte ecológica que inspire nas pessoas uma conscientização favorável ao meio ambiente, abre novas possibilidades de expressão sensível através do uso da Natureza para valorização da própria Natureza. Legal, não acham?

Se gostou a ponto de experimentar, segue abaixo uma receita da mistura de musgo: “Tinta Moss”, tão fácil como um milk shake, para criar sua própria “Arte Verde”ou “Eco Grafite” se preferir.

Ingredientes:

  • Um ou dois tufos de musgo suficiente para caber em sua mão deixando-a quase cheia.
  • Duas xícaras (chá) de leite coalhado. Se preferir, pode substituir por iogurte.
  • Duas xícaras (chá) de água.
  • 1/2 colher de sopa de açúcar.
  • Xarope de milho opcional para dar consistência.

Preparo:

  • Lave bem o musgo para retirar toda a terra possível.
  • Parta o musgo em pedaços e leve ao liqüidificador com os outros ingredientes exceto o xarope de milho.
  • Bata bem até atingir o aspecto de tinta grossa.
  • Se a mistura ficar rala com aspecto que poderá escorrer ao aplicar, adicione o xarope de milho para atingir a consistência ideal.

Uma outra alternativa de ingredientes: (o preparo é o mesmo)

  • Cinco punhados de musgo limpo.
  • Uma lata de cerveja (qualquer marca).
  • Uma colher de chá de açúcar.
  • Meio copo de iogurte natural.

Ai, é só partir para criação da sua Arte que poderá ser feita sobre qualquer superfície áspera onde a “Tinta Moss” possa se fixar. Utilize um pincel ou um borrifador para a aplicação e verifique semanalmente se a pintura precisa ser regada até que o musgo cresça evidenciando seu trabalho.

Ah.., e não esqueça de enviar fotos para publicarmos aqui no blog. Eu também vou fazer o meu Eco Grafite. Quando estiver pronto, publico para vocês verem.

Abraços desejosos de um mundo mais verde e mais amigável para todos!

Sejamos Felizes!

Imagens: Web.

Um comentário para “Eco Grafite – Arte ecológica conquistando paredes pelo mundo

  1. Olá Patricia! Fico feliz com sua companhia por aqui. Quanto ao eco grafite, é preciso uma superfície áspera para a fixação da “tinta” -> mistura gerada com os ingredientes da receita. Eu tenho feito algumas experiências com esta técnica, mas ainda não consegui encontrar o tipo de musgo que proporcione um resultado ideal. Então recomendo que você faça uma experiência sobre alguma superfície pequena, como por exemplo, uma placa de cerâmica para piso externo que seja áspera, antes de partir para uma aplicação sobre uma superfície maior numa parede que no caso não deve ser lisa, a pintura não interfere mas é preciso que a parede seja rústica do tipo só rebocada ou chapiscada e impermeabilizada, pois tem que regar muito até o musgo brotar e depois que brotar também. Boa sorte com sua experiência. Dando certo, mande uma foto para publicar aqui no blog. Obrigada pela visita, um forte abraço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *